BlogBlogs.Com.Br

CATIVA-ME

Glitter Photos

ESCREVAM-ME!

PROFESSORAS VISITANTES
FICO HONRADA COM O SUCESSO DO LINGUAGEM.
E GRAÇAS A VOCÊS!
SERIA MUITO BOM RECEBER PALAVRINHAS...
QUEM SABE SUGESTÕES,DEPOIMENTOS,ETC.
EMAIL ABAIXO:

Colaboração e Direitos

Colaboração e Direitos Autorais
Olá amiga(o) ,
Fui professora dos projetos "Estímulo À Leitura",
"Tempo Integral" e a favor da leitura lúdica,
afinal, quer momento mais marcante que a fantasia da vida?
Portanto, será um prazer receber sua visita em mais um blog destinado a educação.
Nele pretendo postar comentários e apreciações de materiais didáticos de Língua Portuguesa, além de outros assuntos pertinentes, experiências em sala de aula, enfocando a interdisciplinaridade e tudo que for de bom para nossos alunos.
Se você leu, experimentou, constatou a praticidade de algum material e deseja compartilhar comigo,
esteja à vontade para entrar em contato.
Terei satisfação em divulgar juntamente com seu blog, ou se você não tiver um, este espaço estará disponível dentro de seu contexto.
Naturalmente, assim estaremos contribuindo com as(os) colegas que vêm em busca de sugestões práticas.
Estarei atenta quanto aos direitos autorais e se por ventura falhar em algo, por favor me avise para que eu repare os devidos créditos.
Caso queira levar alguma publicação para seu blog, não se
esqueça de citar o "Linguagem" como fonte.
Você, blogueira sabe tanto quanto eu, que é uma satisfação ver o "nosso cantinho" sendo útil e nada mais marcante que
receber um elogio...
Venha conferir,
seja bem-vinda(o)
e que Deus nos abençoe.
Krika.
30/06/2009

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

LINGUAGEM FOI SELECIONADO EM JANEIRO/2011.
OBRIGADA!

Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

Linguagem social...

Glitter Photos

Comemoração

Glitter Photos
JUNHO 2017
8 ANOS DE LITERATURA INFANTIL

domingo, setembro 18, 2011

Flor> Primavera> Reprodução> 18/09/11

Flor – estrutura reprodutiva da planta


Autor: Maria Antonieta G.Silva

Co-autor: Lízia Maria Porto Ramos
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
* Entender que as plantas são seres vivos e, portanto, se reproduzem.
* Identificar os componentes masculino e feminino que compõem a estrutura da flor.
* Compreender a anatomia da flor e sua relação com o processo de reprodução das plantas.
Duração das atividades
100 minutos (2 aulas)
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
O aluno precisará ter conhecimento da anatomia básica das plantas (raiz, caule, folha, flor, fruto e semente).
Estratégias e recursos da aula
Introdução
Esta aula foi planejada com o objetivo de apresentar aos alunos conceitos novos sobre as plantas, para que compreendam que são seres vivos e se reproduzem, apesar de esta reprodução ser diferente da reprodução animal em alguns aspectos.
 Os vegetais fazem parte do reino Plantae, sendo de suma importância para as relações que acontecem entre os seres vivos.
A anatomia vegetal compreende as partes das plantas, e as principais são raiz, caule, folha, flor, fruto e semente.
Cada um destes órgãos possui sua função no corpo da planta, e neste momento vamos focar as flores, como órgãos reprodutivos dos vegetais.
Estratégia
Em uma atividade prática de dissecação da flor do lírio, realizada no laboratório, será apresentada aos alunos a anatomia da mesma, focando as partes que compõem o gineceu e androceu, nomeando-as e relacionando-as às suas funções.
 Os alunos serão organizados em grupos e cada grupo receberá uma flor para dissecar.
Lembramos que a utilização do laboratório é mais indicada, entretanto, se sua escola não o possui, você poderá desenvolver a prática na própria sala.
 Não se esqueça de providenciar as flores antecipadamente, deixando-as na água para não murcharem.
Desenvolvimento
Professor, num primeiro momento, verifique o que os alunos entendem sobre as plantas, se reconhecem a função das flores e como pensam que acontece a reprodução nos vegetais, já que não se movem.
Pessoal, vocês devem se lembrar que já estudamos um pouco sobre as plantas, vimos quais são as suas partes, e que uma delas era a flor.
Vocês se lembram qual era a função da flor para a planta?
Algumas respostas que poderão surgir:
- Ela serve para enfeitar...
- Pode ser também que sirva para que a planta esteja sempre cheirosa...
- Eu lembro que era para a reprodução.
Muito bem, é claro que as flores são ótimas para enfeitar e também para deixar as plantas sempre cheirosas, mas sua função principal é a reprodução.
Se a principal função das flores é a reprodução da planta, como será que isso acontece?
Alguém gostaria de dar sua opinião?
Comentários que poderão surgir:
- Ela deve ter ajuda de alguém.
- Deve ter espermatozóides dentro da flor.
- A flor deve voar até chegar em outra flor.
Peça aos alunos que dêem exemplos de flores que eles conhecem: lírios, rosas, cravos, hibiscos, entre outras.
Peça que eles falem o que de comum eles vêem nas flores citadas.
É provável que eles nomeiem as flores mencionadas por serem mais comuns e que digam que são cheirosas, têm pétalas coloridas, os beija-flores gostam de visitá-las.
- Vocês já tiveram a curiosidade de abrir uma flor para saber o que tem dentro dela?
- Quem já fez isso, o que observou?
Através da fala dos seus alunos, verifique se eles identificam ou não a estrutura interna das flores.
 É comum eles falarem da presença do pólen e dos pistilos, sem contudo nomeá-los.
Atividade prática
No laboratório, prepare com os alunos a atividade prática de anatomia da flor.
Faça da seguinte forma: leve alguns lírios (um para cada mesa/grupo).
Separe os alunos em grupos de quatro a cinco alunos, distribua uma flor para cada grupo.
Peça-lhes que verifiquem a cor da flor, o número de pétalas, se tem aroma e se este é agradável.
Lembre aos alunos que o corte para abertura da flor somente você poderá fazer.
Passe de mesa em mesa auxiliando cada grupo na dissecação da flor, chamando-lhes a atenção para os órgãos feminino e masculino, cada parte deles e especialmente onde são produzidos os grãos de pólen e óvulos.
Abaixo seguem fotografias mostrando passo-a-passo a dissecação.
Como são as próprias crianças que vão fazer a dissecação, e pode acontecer de uma ou outra parte ser mutilada durante o processo, você, professor, poderá usar este recurso para os alunos visualizarem as partes da flor e entenderem a relação entre elas.

Foto 1: Esta flor que vocês veem é o lírio (Lilium sp.).
Percebam que é vistosa, bonita, tem pétalas amarelas,
e dentro dela nós percebemos que tem algumas partes.






Foto 2: Ao retirarmos algumas pétalas,
já conseguimos ver melhor dentro da flor, e já notamos os órgãos reprodutivos.







Foto 3: Ao retirarmos todas as pétalas,
vejam que sobram apenas estas hastes, que são o gineceu e androceu.







Foto 4: Agora, com a ajuda de um estilete,
eu corto ao meio esta flor e podemos ver direitinho
 onde está o gineceu e onde está o androceu.







Foto 5: Vejam que ao abrir, cortando ao meio,
visualizamos uma parte muito importante: o ovário da flor.
Dentro deste ovário vocês podem notar vários grãozinhos bem pequenos,
que são os óvulos desta flor.





 

Foto 6: Retirando todas estas hastes com a pontinha escura,
temos o órgão masculino da flor: o androceu.
Estas pontinhas escuras são as anteras,
e nelas são produzidos os grãos de pólen.
Estes grãozinhos são, juntamente com os óvulos,
os grandes responsáveis pela reprodução das plantas.







Foto 7: Depois de retirar o androceu, resta o gineceu.
Ele é formado pelo estigma, o estilete, e o ovário.
O estigma é a entrada do estilete, e este é o tubo que
 chega ao ovário, onde estão os óvulos.





 

Foto 8: Olhem como o ovário protege os óvulos,
ele é fechadinho e só tem acesso através do estigma e estilete.






Foto 9: Olhem com cuidado o ovário aberto, com os seus inúmeros óvulos.
Cada um destes óvulos poderá dar origem no futuro a uma nova planta desta espécie.







Foto 10: Se cortarmos o ovário nesta direção,
vocês conseguem ver de outro ângulo os óvulos desta planta.

 




Fotos: Maria Antonieta Silva



AvaliaçãoConsiderando que a avaliação formativa não acontece apenas em um único momento, durante todo o processo do desenvolvimento da aula você deverá estar atento à postura do aluno em relação ao que está sendo proposto: interesse, nível de participação, sociabilidade, entre outros.
Neste momento, peça que cada grupo faça um cartaz com desenho esquemático da anatomia do lírio, com todas as suas partes.
Ao avaliar os cartazes, verifique se o grupo representou o que foi solicitado e se os conceitos construídos estão corretos.



Link para essa postagem


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário e retornarei assim que for possível.
Obrigada pela visita e volte mais vezes!
Linguagem não se responsabilliza por ANÔNIMOS que aqui deixam suas mensagens com links duvidosos. Verifiquem a procedência do comentário!
Nosso idioma oficial é a LINGUA PORTUGUESA, atenção aos truques de virus.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mais sugestões...

2leep.com
 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios