BlogBlogs.Com.Br

CATIVA-ME

Glitter Photos

ESCREVAM-ME!

PROFESSORAS VISITANTES
FICO HONRADA COM O SUCESSO DO LINGUAGEM.
E GRAÇAS A VOCÊS!
SERIA MUITO BOM RECEBER PALAVRINHAS...
QUEM SABE SUGESTÕES,DEPOIMENTOS,ETC.
EMAIL ABAIXO:

Colaboração e Direitos

Colaboração e Direitos Autorais
Olá amiga(o) ,
Fui professora dos projetos "Estímulo À Leitura",
"Tempo Integral" e a favor da leitura lúdica,
afinal, quer momento mais marcante que a fantasia da vida?
Portanto, será um prazer receber sua visita em mais um blog destinado a educação.
Nele pretendo postar comentários e apreciações de materiais didáticos de Língua Portuguesa, além de outros assuntos pertinentes, experiências em sala de aula, enfocando a interdisciplinaridade e tudo que for de bom para nossos alunos.
Se você leu, experimentou, constatou a praticidade de algum material e deseja compartilhar comigo,
esteja à vontade para entrar em contato.
Terei satisfação em divulgar juntamente com seu blog, ou se você não tiver um, este espaço estará disponível dentro de seu contexto.
Naturalmente, assim estaremos contribuindo com as(os) colegas que vêm em busca de sugestões práticas.
Estarei atenta quanto aos direitos autorais e se por ventura falhar em algo, por favor me avise para que eu repare os devidos créditos.
Caso queira levar alguma publicação para seu blog, não se
esqueça de citar o "Linguagem" como fonte.
Você, blogueira sabe tanto quanto eu, que é uma satisfação ver o "nosso cantinho" sendo útil e nada mais marcante que
receber um elogio...
Venha conferir,
seja bem-vinda(o)
e que Deus nos abençoe.
Krika.
30/06/2009

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

LINGUAGEM FOI SELECIONADO EM JANEIRO/2011.
OBRIGADA!

Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

Linguagem social...

Glitter Photos

Comemoração

Glitter Photos
JUNHO 2016
7 ANOS DE LITERATURA INFANTIL

terça-feira, maio 23, 2017

Curupira>O protetor das florestas>Folclore>Atividades>23/05/2017



Livro

A importância dos animais através da lenda do curupira

Curupira

Olá! Eu sou o Curupira, moro na Amazônia e sou um menino embora meu nome termine em A. Não sou muito alto não, mas também não sou baixinho. Sou ruivo por parte de mãe e por parte de pai. Eu acho, não sei bem. Tenho os pés com calcanhares pra frente e quando eu quero ninguém me acha.
Minha fruta predileta é manga, ainda bem que tem muito na mata que eu moro e das bem docinhas. Uma das coisas que eu mais gosto é ficar na sombra das árvores comendo frutas. Não é fácil me ver, eu me escondo bem, e se alguém tentar me ver eu saio correndo e não deixo nem pegada, quer dizer, deixar pegada eu deixo, mas quem é que entende um rastro de pés virados pra dentro? É difícil.
Eu sou protetor das matas. É, sou meio super herói. Não gosto de caçadores e nem de ninguém que queira destruir a floresta porque a floresta é a minha casa. Minha e de mais um montão de bichos, plantas e seres da natureza. Por isso eu cuido dela e quando vejo alguém que possa ameaçar essa natureza eu jogo meu encanto e faço a pessoa ficar perdida na floresta, muito, muito, muito tempo. Até eu cansar e a pessoa ficar com muito medo de mim e ir embora.
Eu sou muito curioso. Muito mesmo. Por isso, um dos jeitos de me deixar distante é fazer uma bolinha de cipó com uma trança e me desafiar pra encontrar a ponta da bolinha. Eu vou correndo e pego aquela bolinha e fico mexendo nela de um lado, do outro e quando eu vejo a pessoa fugiu. Foi embora.

Meu prato predileto é salada de folha de manga e o meu sonho é ver a Amazônia protegida de todo perigo e sempre linda e cheia de árvores grandes, rios limpos e passarinhos. Eu adoro passarinhos.
Um curupira atrapalhado
Desenhos para pintar

Atividades
Especial Folclore
Ideia Criativa





Link para essa postagem


Quem mexeu na minha floresta?>Animais em extinção>A floresta dágua>23/05/2017


A partir da leitura, desenvolver no aluno a capacidade de interpretação das imagens e habilidade de criar histórias relacionadas ao tema, tanto pela escrita quanto pela oralidade.


As lindas imagens do título representam um convite para que cada criança participe da história, exercite a sua criatividade e encontre o seu próprio caminho. 
Além disso, o autor dedica a obra a todas as crianças que amam e protegem o meio ambiente.

Projeto Pedagógico

Resultado de imagem para livro a floresta de agua atividades
A floresta de água
Livro



Pequenos Grandes Pensantes

Aula
Eleição na mata
Diversão com sons e palavras
Projeto Bicharada
AQUI
Projeto Amazônica
Berço da vida
AQUI

Dobraduras
Planeta vida
AQUI




Link para essa postagem


A última árvore do mundo>A árvore e os bichos>Estímulos ambientais>23/05/2017

Um dia, uma árvore se vê sozinha no mundo.
Mas nem por isso deixa de seguir em frente com sua vida.
Ela continua a dar frutos, flores e abrigo a todos que vivem em sua volta.

Livro A Ultima Arvore Do Mundo – Lalau – ISBN: 852628133X


A importância da árvore em nossa vida

Aula agregando esta obra + A árvore generosa

A árvore generosa
Atividades/Árvores
Muitas sugestões
Teatro,etc
LIVRO A ARVORE E OS BICHOS
Tudo o que a Árvore queria era um companheiro. Plantada, não podia procurá-lo na floresta. Certa manhã, tomou uma decisão: pendurou um cartaz em seu tronco, que dizia: PROCURA-SE UM AMIGO. A Árvore e os Bichos (Editora Gaia, 32 páginas, R$ 23) conta a história dessa árvore que gostava da vida, mas que, às vezes, se sentia triste e sozinha.

Publicada pela primeira vez em 1970, agora relançada pela Gaia, foi uma das primeiras obras de Mary e Eliardo como autores de livros para crianças. Esta edição tem novas ilustrações de Eliardo, que, ao longo desses anos, experimentou e aprimorou diversas técnicas.
 O texto de Mary é o mesmo. Seu conteúdo permanece atual, e sua forma é tão vigorosa e agradável como a de tantas obras que vieram depois. 

O livro também traz curiosidades sobre alguns animais, como o caso do Chupim, que nunca faz o seu próprio ninho:
“O que a Árvore não sabia é que a senhora Chupim nunca faz ninho. Ela sempre se aproveita do ninho do Tico-tico para pôr os seus ovos. E o Tico-tico, sem desconfiar de nada, choca os ovos e cria os filhotes da senhora Chupim junto com os seus.

A árvore e os bichos/proposta de trabalho





Link para essa postagem


segunda-feira, maio 22, 2017

A vaca Mimosa e a mosca Zenilda>Estímulos poéticos>22/05/2017


Mimosa é tão linda que dá gosto de olhar. Ela é tão bela que Zenilda deseja ficar perto da vaca para ver se fica bonita também. Mas uma mosca por perto incomoda. Zune na orelha, faz cosquinha quando pousa no corpo e deixa mimosa vesga ao parar bem no meio do nariz dela! Com graça, a escritora brinca com as palavras, criando situações muito divertidas.
Livro
Sequência didática
Proposta pedagógica
Atividades

Desdobramento
A mosca que mora na teia
Pra encurtar a história, nem vou contar como Maradona, a mosca, escapou do açucareiro, pois foi tampada lá dentro e não havia meio de alguém destampar.
Não vou contar também como foi que Maradona aprendeu que através da vidraça mosca não passa.
Pois bem… um dia Maradona caiu na teia.
– Lá vem a aranha… ronc, ronc, ronc… preciso esconder-me…
– Aonde, meu Deus? Que teia mais pegajosa! – gritava Maradona.
A aranha vinha vindo, chegando devagarinho.
– Virar almoço de aranha, não!!! – gritava aterrorizada Maradona.
E a aranha vinha andando, andando.
A aranha vinha andando, andando e por sorte, mas por muita sorte mesmo alguém acendeu a luz. A LUZ.
A sombra apareceu na parede. Maradona ficou grande maior que a aranha. A aranha levoy um susto tão grande que morreu de susto e caiu.
Maradona resolveu então morar na teia: a teia da mosca.






Link para essa postagem


Tia Januária é veterinária>Estímulos poéticos+Matemática>22/05/2017

Tia Januária é veterinária e gosta muiiito de animais! 
A casa de tia Januária vive cheia de animais, quase como um zoológico.
Cansada de viver assim, ela resolve dar um basta e aventura-se em uma viagem de barco.
Para crianças que ultrapassaram os estágios iniciais da alfabetização, e já podem desfrutar da leitura de textos literários.





Encontrei este projeto sobre poesia e matemática. 
São várias abordagens.
Uma delas inclui esta obra de Sylvia Orthof.
Outra, a poesia que reproduzi abaixo.
Embora a poesia seja antiga,decidi publicar a proposta pedagógica como sugestão agregando  matemática e  poesia.
Não encontrei atividades desta obra. Vários são os livros desta autora, que, não consigo trazer mais detalhes.
Fica então a dica pedagógica!
Projeto: A matemática e a poesia infantil

Objetivos:
Geral: Desenvolver no aluno a criatividade, à escrita, à leitura e o raciocínio lógico-matemático, por meio do estudo da poesia.
Específicos:
· Compreender o uso da poesia;
· Perceber a relação da poesia com as diversas áreas de ensino;
· Entender o processo de construção da poesia;
· Assimilar o uso das quatro operações;
· Compreender o conceito de número através da quantificação dos versos e rimas.


Poesia
Eu sei ler
Martins D'Alvarez

Eu sei ler corretamente,
faço contas de somar,
sou batuta em dividir,
gosto de multiplicar.
Quando a professora escreve
no quadro-negro da escola,
leio até de olhos fechados:
“Paulo corre atrás da bola.”
Pra somar uma banana
com mais duas e mais três,
vou comendo e vou somando
1 mais 2 mais 3 são 6.
Pra dividir três pães
comigo e com meu irmão?
Eu sou o maior, ganho dois.
Para ele basta um pão.
Se mamãe me dá um doce
na hora de merendar,
acabo comendo três.
Como eu sei multiplicar!
O projeto todo  :AQUI




Link para essa postagem


domingo, maio 21, 2017

Casinha de bichos>Moradia dos animais/Humanos/Aves>21/05/2017

O texto descreve, em versos rimados, como é a casa de vários tipos de bichos, como o ninho do passarinho, a teia da aranha, o formigueiro e a toca do tatu.
Poesia
AQUI
Aula
AQUI
AQUI
Atividade
AQUI
Onde vivem os animais
Atividades

Moradia humana e animal

Aula/Cada bicho com sua moradia
A casa e seu dono também

Moradia humanos animais e aves

Aula/Tipos de moradia

As partes da casa
AQUI








Link para essa postagem


Ronca e Cocada as onças pintadas>Ciranda do Pantanal>Cartilha>Tem rebuliço no Pantanal>21/05/2017


Este é um livro escrito em versos, cuja proposta é conscientizar as crianças a respeito da situação das onças-pintadas. A autora trata de temas e curiosidades como a extinção, o tráfico de animais, as pintas das onças, os seus territórios, os seus hábitos, entre outros.


Ronca e Cocada, as Onças-pintadas

Que a fauna brasileira é rica e belíssima ninguém mais tem dúvidas. 
Nosso país é abençoado, e prova disso é a diversidade de espécies que habitam em quase todas as regiões, sobretudo na porção central do Brasil, nos estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. É lá onde fica o famoso Pantanal, habitat das onças-pintadas Ronca e Cocada, personagens dessa linda historinha. 
Esses simpáticos felinos são um casal de irmãos que se divertem a valer subindo em árvores e sendo mimados pela mamãe onça. Todo o dia a dia desses dois você pode agora conhecer pelo agradável texto de Shirley Souza, autora de sucessos infanto juvenis publicados pela PAULUS, e pelas informações encontradas na seção "O Mundo das Onças-Pintadas", ao final do livro. 
Os desenhos ficam por conta de Edu Cardoso, ilustrador que se inspira no artesanato popular, no folclore brasileiro, nas paisagens e lendas do nosso povo para dar vida à sua arte. 

Ouvindo a história

*Projeto Pantanal*

Cartilha infantil de educação ambiental
Ciranda do Pantanal
Projeto
Vamos juntos ao Pantanal aprender, com a Ema e a Seriema, a Capivara e a Arara, sobre a fauna de um dos mais importantes ecossistemas do Brasil. Na Ciranda do Pantanal, você vai descobrir como vivem o Tuiuiú, o Carcará e a Arara-Azul. Vai saber o que fazem a Cobra e o Jacaré. 
E vai conhecer os hábitos do Macaco Bugio, do Tamanduá e do Bicho-Preguiça.

“Ciranda do Pantanal”

Tuiuiú pra cá, Tuiuiú pra lá
Lá vem a Ema, a Seriema e o Tamanduá
O Quati e a cobra Sucuri
A Arara e a Dona Capivara
Quer ver como é o Jacaré?
Quer ver se o macaco usa boné?
Quer ver como é legal,
bicho solto no Pantanal?

Tem rebuliço no pantanal
Atividade








Link para essa postagem


O segredo da onça pintada>A hora da onça beber água>Animais em extinção>21/05/2017


Resultado de imagem para livro infantil onça pintada

Livro
AQUI
A história
AQUI
Poema onça pintada
Atividade/Plano de aula
Sociedade e Natureza- Animais em Extinção- Zona Rural e Zona Urbana
Música: Onça pintada
Aula/Conhecendo a onça pintada

Projeto animais em extinção

ProjetoLivros “Terra”, “Água” e “Ar” do autor Guto Lins.

A onça Felinda
Música
AQUI
Brasileirinhos
Animais em extinção
AQUI
Aula
AQUI








Link para essa postagem


Paca,tatu,cutia não,sim!>O jogo da parlenda>Trava-língua>21/05/2017

Essa é uma história em versos inspirada na parlenda “paca, tatu, cutia não!”. Em todos os lugares que as cutias vão, são barradas na entrada, seja no cinema, seja no estádio de futebol, seja no supermercado. Um dia resolvem não aceitar mais a discriminação e se juntam para combater o preconceito. “Cutias unidas, jamais serão vencidas!” é a palavra de ordem. Tudo o que desejam é que a parlenda passe a ser “paca, tatu, cutia sim!”



Livro




A obra é composta de 20 poemas com o título de animais encontrados na região amazônica.
 O autor faz uma linda brincadeira com as rimas e com a imaginação dos leitores.
AQUI

Trava-língua
AQUI
Origem deste ditado popular
Paca, tatu, cutia não. Remonta às primeiras décadas após a chegada dos portugueses no Brasil a origem do ditado popular. E sem duplo sentido: paca e tatu eram pratos apreciadíssimos. Cutia, não. As índias achavam que comer cutia lhes traria uma prole nanica como o roedor. E de pacas, tatus, capivaras, mucujês, paquiás e oitis dentre muitos outros bichos e plantas hoje desaparecidos da mesa era feito o cardápio dos primeiros tempos do Brasil



O uso de trava-línguas na identificação de palavras
Aula
AQUI


Tatu bobo
AQUI

Livro
O jogo da parlenda
Heloisa Prieto



AQUI
AQUI
AQUI
Parlenda é um jogo de infância que toda criança conhece. Os versinhos podem ser aprendidos em casa ou com os amigos, mas a verdade é que as parlendas são tão antigas que ninguém sabe quem as inventou. Neste livro divertido, Heloisa Prieto reúne algumas das mais conhecidas, como o "Unidunitê", o "Ninho dos mafagafos" e "Batatinha quando nasce", e adiciona à brincadeira outros versinhos de criação própria. Para não deixar ninguém de fora, a autora ainda dá dicas de como inventar uma parlenda para, quem sabe, ouvi-la sendo cantada daqui há muitos e muitos anos.





Link para essa postagem


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mais sugestões...

2leep.com
 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios