BlogBlogs.Com.Br

CATIVA-ME

Glitter Photos

ESCREVAM-ME!

PROFESSORAS VISITANTES
FICO HONRADA COM O SUCESSO DO LINGUAGEM.
E GRAÇAS A VOCÊS!
SERIA MUITO BOM RECEBER PALAVRINHAS...
QUEM SABE SUGESTÕES,DEPOIMENTOS,ETC.
EMAIL ABAIXO:

Colaboração e Direitos

Colaboração e Direitos Autorais
Olá amiga(o) ,
Fui professora dos projetos "Estímulo À Leitura",
"Tempo Integral" e a favor da leitura lúdica,
afinal, quer momento mais marcante que a fantasia da vida?
Portanto, será um prazer receber sua visita em mais um blog destinado a educação.
Nele pretendo postar comentários e apreciações de materiais didáticos de Língua Portuguesa, além de outros assuntos pertinentes, experiências em sala de aula, enfocando a interdisciplinaridade e tudo que for de bom para nossos alunos.
Se você leu, experimentou, constatou a praticidade de algum material e deseja compartilhar comigo,
esteja à vontade para entrar em contato.
Terei satisfação em divulgar juntamente com seu blog, ou se você não tiver um, este espaço estará disponível dentro de seu contexto.
Naturalmente, assim estaremos contribuindo com as(os) colegas que vêm em busca de sugestões práticas.
Estarei atenta quanto aos direitos autorais e se por ventura falhar em algo, por favor me avise para que eu repare os devidos créditos.
Caso queira levar alguma publicação para seu blog, não se
esqueça de citar o "Linguagem" como fonte.
Você, blogueira sabe tanto quanto eu, que é uma satisfação ver o "nosso cantinho" sendo útil e nada mais marcante que
receber um elogio...
Venha conferir,
seja bem-vinda(o)
e que Deus nos abençoe.
Krika.
30/06/2009

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

LINGUAGEM FOI SELECIONADO EM JANEIRO/2011.
OBRIGADA!

Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

Linguagem social...

Glitter Photos

Comemoração

Glitter Photos
JUNHO 2017
8 ANOS DE LITERATURA INFANTIL

domingo, agosto 11, 2013

Cadê o docinho que estava aqui? >Parlenda> Estímulos poéticos e literários > 11/08/13


Em uma releitura da parlenda Cadê o toucinho que estava aqui?, o texto "dialoga" com as perguntas e respostas que conduzem a brincadeira (por exemplo: "Foi pro mato. Que mato? O mato sem cachorro? Mato Grosso?" ou "Água apagou! A água da chuva? Do rio? Do mar? A água de cheiro? A água da e do Tororó?", e assim por diante).

Esse diálogo é construído pela intertextualidade – referência a outros textos, personagens, cantigas, como o Gato de Botas, Julinho Gatinho (da Coleção Casa Amarela), a e do Tororó, o Boi da Cara Preta, a Galinha Ruiva ou a dos Ovos de Ouro, ou por elementos de outras tradições (como os ovos de Páscoa), personagens folclóricas (o Saci), elementos do cotidiano (milho de pipoca, galinha choca), expressões idiomáticas (mato sem cachorro, ovo de Colombo).
O enredo é simples, de estrutura circular: a história começa e "termina" com uma avó e seus netos procurando o gato fujão que comeu o "docinho que estava aqui".

Assunto/tema: brincadeira com parlenda.
Temas secundários: jogos e brincadeiras populares, verbais ou não; cantigas de roda; identificação de personagens e elementos citados no texto.
Acompanha texto informativo em que se apresenta uma versão da parlenda Cadê o toucinho que estava aqui? e se explica como foi feito o livro "Cadê o docinho que estava aqui?".
Baixar o livro:
AQUI

O sumiço do docinho
Autor: Lúcia F.Da Silva
- Ler e interpretar a parlenda utilizando as ilustrações do livro.
- Brincar com a parlenda "Cadê o toucinho que estava aqui?".
- Criar desenho e frases a partir da parlenda.
Estratégias:
-Bandeja com forminhas e um pano de prato.
- Livro: Cadê o docinho que estava aqui?
          Autora: Maria Angela Resende
          Ilustradora: Elisabeth Teixeira
          Editora: Formato
- Folha A3
- Caderno ou folha de papel
O professor contará à turma que trouxe uma bandeja cheia de docinhos, para serem saboreados e no momento de servir todos irão ver apenas as forminhas vazias.
Neste momento o professor questionará os alunos:
                Cadê o docinho que estava aqui?                                                                                       
Será a hora de ouvir as ideias dos alunos sobre o que poderia ter acontecido. Quando o grupo estiver curioso para desvendar o sumiço, o professor poderá pegar o livro, que deverá estar embaixo da bandeja, e ler para a turma explorando bem as ilustrações que servirão para auxiliar na compreensão da história.
Ao final da leitura, perguntar se alguém conseguiu descobrir quem pegou o docinho. Desta vez, será interessante anotar o que os alunos disseram ou pedir que, em dupla, anotem no caderno ou folha de papel  e apresentem ao restante da turma.
Conversar com os alunos sobre a transformação da frase original "Cadê o toucinho que estava aqui?" para "Cadê o docinho que estava aqui?". Essa é uma característica do folclore quando o povo modifica o que ouve e passa de geração em geração. Resgatar com a turma a brincadeira que certamente seus pais e avós já brincaram.O professor deverá apresentar ao grupo toda a parlenda e poderá se utilizar da história narrada pela autora, Maria Angela Resende, descrita nas últimas páginas do livro e convidar a turma para brincar como ela brincava.
Toca-se em cada dedo da criança, dizendo o nome popular de cada um: dedo mindinho, seu vizinho, pai de todos, fura-bolo e mata-piolho.
Em seguida, pega-se a mão da criança e, com a ponta do indicador pinicando-lhe a palma, pergunta-lhe;
 - Cadê o toucinho que estava aqui?
 Resposta: - Gato comeu. E o diálogo prossegue: - Cadê o - Foi pro mato - Cadê o mato?              Fogo queimou. Até o fim...Nesse instante, a pessoa, usando os dedos médio e indicador, fará os dois supostos pezinhos que subirão pelo braço da criança, até provocar cócegas nas axilas:
                        - "Foi por aqui, aqui, aqui...ACHOU!"
Aproveitando essa ideia o professor poderá apresentar a proposta de um desenho em folha A3 a partir da questão: Pra onde foi o gato? Foi por aqui....  Foi por ali.....Levar os alunos a imaginar diferentes lugares por onde o gato poderia ter passado, desenhando o caminho percorrido até chegar ao lugar imaginado. Produzir frases completando a ideia: O gato foi parar...O gato poderia percorrer lugares conhecidos ou criados pelos alunos.Seria uma sugestão para o professor montar uma exposição com o material produzido pelos alunos.
Sugestão para leitura: O Caso da Lagarta que Tomou Chá de Sumiço
Avaliação
Será feita durante toda atividade, observando a interpretação oral dos alunos e a participação na brincadeira com a parlenda. 
O professor deverá verificar como os alunos responderam a proposta de desenho e produção de frases a partir da questão apresentada: Pra onde foi o gato?
Fonte
Produção  e releitura da obra
Vejam um exemploA partir da brincadeira Cadê o toucinho que estava aqui? e dos livros Cadê o docinho que estava aqui?, de Maria Ângela Resende, e Cadê, de Guto Lins, as crianças do 2º período B, da professora Márcia Marcellini, fizeram o seu próprio Cadê. O resultado ficou genial. Confira.
Cadê o menino que
estava aqui?
Foi jogar bola.
Cadê a bola?
O goleiro pegou.
Cadê o goleiro?
Tá no gol.
Cadê o gol?
Quebrou.
Quem quebrou?
A bola.
Cadê a bola?
Vejam completo :  AQUI e     AQUi  e     AQUI


Link para essa postagem


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário e retornarei assim que for possível.
Obrigada pela visita e volte mais vezes!
Linguagem não se responsabilliza por ANÔNIMOS que aqui deixam suas mensagens com links duvidosos. Verifiquem a procedência do comentário!
Nosso idioma oficial é a LINGUA PORTUGUESA, atenção aos truques de virus.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mais sugestões...

2leep.com
 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios