BlogBlogs.Com.Br

CATIVA-ME

Glitter Photos

ESCREVAM-ME!

PROFESSORAS VISITANTES
FICO HONRADA COM O SUCESSO DO LINGUAGEM.
E GRAÇAS A VOCÊS!
SERIA MUITO BOM RECEBER PALAVRINHAS...
QUEM SABE SUGESTÕES,DEPOIMENTOS,ETC.
EMAIL ABAIXO:

Colaboração e Direitos

Colaboração e Direitos Autorais
Olá amiga(o) ,
Fui professora dos projetos "Estímulo À Leitura",
"Tempo Integral" e a favor da leitura lúdica,
afinal, quer momento mais marcante que a fantasia da vida?
Portanto, será um prazer receber sua visita em mais um blog destinado a educação.
Nele pretendo postar comentários e apreciações de materiais didáticos de Língua Portuguesa, além de outros assuntos pertinentes, experiências em sala de aula, enfocando a interdisciplinaridade e tudo que for de bom para nossos alunos.
Se você leu, experimentou, constatou a praticidade de algum material e deseja compartilhar comigo,
esteja à vontade para entrar em contato.
Terei satisfação em divulgar juntamente com seu blog, ou se você não tiver um, este espaço estará disponível dentro de seu contexto.
Naturalmente, assim estaremos contribuindo com as(os) colegas que vêm em busca de sugestões práticas.
Estarei atenta quanto aos direitos autorais e se por ventura falhar em algo, por favor me avise para que eu repare os devidos créditos.
Caso queira levar alguma publicação para seu blog, não se
esqueça de citar o "Linguagem" como fonte.
Você, blogueira sabe tanto quanto eu, que é uma satisfação ver o "nosso cantinho" sendo útil e nada mais marcante que
receber um elogio...
Venha conferir,
seja bem-vinda(o)
e que Deus nos abençoe.
Krika.
30/06/2009

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

LINGUAGEM FOI SELECIONADO EM JANEIRO/2011.
OBRIGADA!

Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

Linguagem social...

Glitter Photos

Comemoração

Glitter Photos
JUNHO 2017
8 ANOS DE LITERATURA INFANTIL

sexta-feira, maio 18, 2012

Tradições caipiras>João e Maria> 18/05/12



Tradições caipiras

Resgate-as estudando os alimentos, as brincadeiras e valorizando a figura do homem do campo
Por Elisa Almeida França

Objetivos:

★ Estudar com os alunos as tradições das festas juninas
★ Trabalhar com alimentos típicos
★ Resgatar hábitos rurais

Não é a toa que os alimentos típicos são uma das partes mais importantes das festas juninas. “A origem disso está no costume dos judeus antigos de festejar a primeira colheita”, explica o antropólogo Jadir de Moraes Pessoa, professor da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Goiás. “Por isso, nunca pode faltar em nossas festas a pipoca, o quentão, o mané pelado, a batata-doce, o pé de moleque, que nesse período são produtos de nossas colheitas.” Portanto, explorar os alimentos é uma ótima maneira de a escola explicar o sentido das festas para as crianças. “De sobra, ainda se poderia pensar em quem os produziu”, afirma Jadir. “Quem sabe assim se passaria a olhar com outros olhos o trabalhador rural?”, ele sugere. Na EMEI Professor Paulo Roberto Faggioni, localizada em Batatais, SP, os alimentos já são parte central do dia a dia dos alunos. Como as crianças cuidam de uma horta, é de lá que vem muitos dos ingredientes para as receitas que elas preparam na sala de aula. No ano passado, foram cultivadas mandioca e abóbora, justamente pensando na festa junina – que, lá, eles chamam de festa caipira, a fim de reforçar o caráter laico da celebração. A seguir, veja dicas para os festejos caipiras, que o Guia Prático coletou na EMEI Professor Paulo Roberto Faggioni e na escola Girassol, em Jaú, SP.

Valorização do homem rural

Para o antropólogo Jadir de Moraes Pessoa, somos injustos com o homem da roça, que muitas vezes é caricaturizado. “A ele devemos muitas coisas, como a nossa comida, nossa linguagem, religiosidade e a sabedoria criada na observação das plantas, dos animais e das águas”, afirma. De acordo com Jadir, o principal motivo para nos preocuparmos em manter vivas as tradições brasileiras é que as crianças aprendam a valorizar nossa cultura. “E isso só é possível com ações desenvolvidas na escola. Ninguém pode gostar daquilo que não conhece ou entende”, defende.

João e Maria e comidas típicas

A proposta desta atividade é preparar receitas típicas dos eventos juninos, a partir da leitura do conto de João e Maria. Veja a sequência.

1. Apresente o conto de João e Maria às crianças. Conversem a respeito, deixando que eles digam o que acharam da história.
2. Partindo do conteúdo original do conto, elas devem criar uma nova história. Como o pai de João e Maria era pobre e não tinha o que lhes dar de comer, as crianças devem dar ideias de como a família poderia resolver a situação. Por exemplo, plantando e preparando seus alimentos.
3. Como na EMEI Professor Paulo Roberto Faggioni as crianças haviam plantando mandioca e abóbora na horta, elas foram pesquisar receitas para preparar usando esses alimentos. Uma possibilidade é pedir que tragam sugestões de casa, onde pesquisarão com a ajuda dos pais.
4. Escolhidas as receitas, todos devem preparar juntos, na cozinha da escola.


Curiosidade para o professor

“As festas juninas coincidem com o solstício* de inverno aqui no hemisfério sul e com o solstício de verão, para quem está acima da linha do Equador.
Isso poderia provocar uma boa aula de geografia, para explicar o que são os hemisférios e o que é solstício.
É no dia 21 de junho que o sol está mais a pino, o que provoca um fenômeno interessante: no hemisfério sul temos o dia mais curto do ano (e a noite mais longa).
No norte, se nota o dia mais longo do ano.
O homem primitivo, não entendendo bem o que era isso e, com certo medo, foi gradativamente desenvolvendo formas de festejar esse dia, para afugentar algum possível espírito mau que o fenômeno pudesse trazer e, ao mesmo tempo, trazer para o meio da aldeia os espíritos bons, que pudessem aumentar a fecundidade das mulheres, das plantas e dos outros animais.”

Cavalo de pau

Esta sugestão da escola Girassol foi reproduzida pela arte-educadora Simone Bellini. Confeccione com a ajuda das crianças e brinquem juntos depois do trabalho pronto.

Materiais:
★ meia e juta
★ sacos plásticos
★ EVA preto, laranja e cor da pele
★ color set ou papel espelho marrom
★ lantejoulas douradas
★ cola quente
★ miçangas coloridas ou quatro botões
★ tesoura e pincel
★ lã e barbante
★ guache marrom
★ um cabo de vassoura ou um rolo de tecido
★ caneta hidrocor preta




1. Encha a meia com os sacos plásticos. Encape-a com juta e cola quente.
2. Recorte o EVA laranja conforme o molde e cole-o.
3. Use EVA cor da pele e color set marrom para cortar as orelhas e cole-as. 4. Cole as orelhas e os olhos. Enfeite o cabresto com as lantejoulas, botões e miçangas.

1. Faça rolinhos de lã com os dedos e corte as extremidades para fazer a crina do cavalo. Cole.
2. Use o barbante para fazer a rédea.
3. Pinte o rolo de tecido com guache, tinta acrílica ou PVA. Cole a cabeça do cavalo no rolo.

Sugestão: O corpo do cavalo pode ser substituído por um cabo de vassoura.

Música para a atividade!

Na escola Girassol, a canção “Cavalo Piancó” serve de fundo para a brincadeira com o cavalo de pau feito pelas crianças!

Convite da festa
Prepare com os pequenos o convite da festa junina. Depois, é só enviar aos pais, chamando-os para se divertir com vocês.

Materiais:
★ papel vegetal estampado ou color set
★ 14 palitos de sorvete
★ furador e barbante
★ palitos de churrasco
★ cola quente
★ retalhos de tecido para as bandeirinhas




1. Use a cola quente para fazer a cerca com os palitos de sorvete. Corte o papel vegetal ou color set na medida de 21 cm x 11 cm.
3. Fure as extremidades do papel conforme o molde e amarre a cerca nesses furos.
4. Na parte de trás, encaixe e cole com a cola quente os palitos de churrasco.
5. Recorte as bandeiras conforme o molde e cole-as no barbante.
6. Cole o barbante ou amarre nos palitos de churrasco. Amarre a cerca com barbante colorido.

Para saber mais

★ O CD-livro Canções do Brasil, do grupo Palavra Cantada, tem músicas típicas (e histórias) das várias regiões do país: www.palavracantada.com.br
★ “Saberes em festa: gestos de ensinar e aprender na cultura popular”, Jadir de Moraes Pessoa, UCG/ Kelps, 2ª edição, 2009.


 

 


Link para essa postagem


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário e retornarei assim que for possível.
Obrigada pela visita e volte mais vezes!
Linguagem não se responsabilliza por ANÔNIMOS que aqui deixam suas mensagens com links duvidosos. Verifiquem a procedência do comentário!
Nosso idioma oficial é a LINGUA PORTUGUESA, atenção aos truques de virus.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mais sugestões...

2leep.com
 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios