BlogBlogs.Com.Br

n

Glitter Photos
Glitter Photos

Agradecendo aos céus...

Glitter Photos

Comemoração

Glitter Photos
OBRIGADA!
VOLTEM SEMPRE!

Colaboração e Direitos

Colaboração e Direitos Autorais
Olá amiga(o) blogueira (o),
Fui professora dos projetos "Estímulo À Leitura",
"Tempo Integral" e a favor da leitura lúdica,
afinal, quer momento mais marcante que a fantasia da vida?
Portanto,será um prazer receber sua visita em mais um blog destinado a educação.
Nele pretendo postar comentários e apreciações de materiais didáticos de Língua Portuguesa, além de outros assuntos pertinentes , experiências em sala de aula, enfocando a interdisciplinaridade e tudo que for de bom para nossos alunos .
Se você leu ,experimentou, constatou a praticidade de algum material e deseja compartilhar comigo,
esteja à vontade para entrar em contato.
Terei satisfação em divulgar juntamente com seu blog ,ou se você não tiver um, este espaço estará disponível dentro de seu contexto.
Naturalmente,assim estaremos contribuindo com as(os) colegas que vêm em busca de sugestões práticas.
Estarei atenta quanto aos direitos autorais e se por ventura falhar em algo,por favor me avise para que eu repare os devidos créditos.
Caso queira levar alguma publicação para seu blog,não se
esqueça de citar o "Linguagem" como fonte.
Você, blogueira sabe tanto quanto eu ,que é uma satisfação ver o "nosso cantinho" sendo útil e nada mais marcante que
receber um elogio...
Venha conferir,
seja bem- vinda(o)
e que Deus nos abençoe.
Krika.
30/06/2009

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

LINGUAGEM FOI SELECIONADO EM JANEIRO/2011.
OBRIGADA!

CATIVA-ME

Glitter Photos

Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

Linguagem social...

Glitter Photos

sábado, novembro 17, 2012

Quando me sinto feliz>Zangado>Triste>Dinâmicas>Estímulos literários> 17/11/12

Atividades para o desenvolvimento
da Inteligência Emocional
Dinâmicas dos sentimentos


Um livro colorido
Distribua folhas de diferentes cores :amarelo,azul,vermelho,castanho,cinza,laranja, verde, roxo, rosa e preto.
As crianças pintam um desenho para expressar o que fazem quando sentem essa cor.
Também pode escreve ro que as crianças ditam.
Arquivar todas as páginas  e fazer um livro.
Estou  pensando numa cor...
É a cor do céu?
Sinto- me? Azul
Estou pensando  numa cor, é a cor do sol?
Sinto-me?Amarelo
Inventar Histórias
As crianças inventam uma história ou um poema a propósito da observação das gravuras.
"Estar azul"
"Era uma vez um menino colorido"
"Era uma vez um pássaro..."
Imagens aqui: sugestões:
Mostrar em vez de dizer.
Convide as crianças a mostrar o seguinte, mas sem usar quaisquer palavras:
Um palhaço triste. Um touro zangado.
Um peixe silencioso. Uma florf eliz.
Um touro teimoso. Um dia verde.
Um lobo uivando. Um dia em que tudo acaba bem.
Uma abelha que não quer trabalhar. Uma árvore de cor cinzenta.
Duas árvores amigas. Uma f ormiga de cor amarela.
Histórias de Cores
Divida as crianças em grupos de cinco,em círculo. Cada grupo escolhe uma fita de cor.
Em seguida, o grupo cria uma dança ou faz um desenho que conte a história da cor que escolheu.
Ou então,dá indicações sobre qual a natureza da cor escolhida.
Relaxar com as cores.
Sentamo-nos comodamente, num ambiente calmo com música suave durante alguns minutos,vamos relaxar - nos com as cores.
Vamos respirar profundamente... sem pressa...contando até quatro, enquanto inspiramos pelo nariz..um...dois...três...quatro...fazendo uma pequena pausa,sustendo o ar e agora  soltamos, pela boca,contando..um...dois...três...quatro.Muito bem.(repetirváriasvezes.)
Estamos relaxados e vamos imaginar.
Imaginem que  veem a frente uma parede de cor azul.
 Concentrem - se na parede que é de  uma azul muito intenso...imaginem que se aproximam da parede...quando olham para ela  não vêm mais nada do que a cor azul.
Só vêem a cor azul.  E sentem -se tranquilos, pois o azul  é tranquilidade.
Lembravos o mar, o céu azul... Lembrem- se de outras coisas que sejam  azuis...
Imaginem que, pouco a pouco, se afastam dessa parede e saem da parede.
Andando, chegam a outra parede. Agora de cor verde... Continuem a respirar lentamente.
Agora a  parede é verde.  Podem sentir af rescura que transmite a cor verde.. é a cor dos bosques, da  erva... e tudo a sua frente é verde.
Vejam que algumas zonas,a parede é ver de escuro,  quase azulado,noutras o tom é mais claro,brilhante e límpido.
Pensem, agora, em algo que  seja verde...
Concentrem-se nesse objeto..Continuem a respirar profundamente...
Agora imaginam que encontram onde reinam todas as cores...
Observem todos os tons de cor que encontrem... o verde...o azul... amarelo... rosa... continuem a respirar profundamente e concentrem -se na energia de cada uma das cores.
Pouco a pouco vamos regressar do mundo das cores, mexam os pés lentamente...a seguir,
as mãos...os braços...agora o pescoço e lentamente abram os olhos...e vejam quantas cores!


Quando me sinto…Zangado;TraceMoroney
Quando está muito zangado,sente -se como se estivesse sprestes a explodir! Não faz mal
zangar de vez em quando,desde que não magoe ninguém.

Livros - Quando me Sinto Feliz


Quando me sinto…Feliz; Trace Moroney
São tantas as coisas que podem fazert-me feliz! Brincar com os amigos, uma surpresa ou  apenas um grande abraço de alguém de quem gosta muito.



Quando me sinto…triste; Trace Moroney


Jogos
Espelho meu…
No espelho as crianças observam e treinam caretas das diferentes emoções e tentam  identifica- las.
Sinto- me triste…
Escreva no cimo da folha: Sinto- me triste quando… cada criança ilustra a situação que a deixou triste.
Repetir esta atividade para outras emoções.


Jogo das emoções
Copie para cartolina os cartões com as emoções e deixe que as crianças pintem.
Recorte cada cartão individualmente.
Mostre às crianças um cartão de cada vez.
As crianças terão que  imitar com movimento,  expressão facial e  emoções expressas no cartão.
Variante:
Aproveite os cartões das emoções para falar com ascrianças sobre tudo o que as  emoções envolvem(como nos sentimos,que cara fazemos,como reagimos…)


Falar sobre os sentimentos
Apresentar cartões de diferentes sentimentos.
Perguntar o que acontece quando guardamos  todos os sentimentos.
Exatamente igual ao que acontece a um balão se está muito cheio.
As vezes podemos sentir tristeza, zangados…mas chorar ou falar com alguém alivia o nosso  balão.
Tenho medo de …Sou feliz quando…Uma coisa que me preocupa…Sinto me zangado  quando…


Silhuetas
Colocar papel na parede.
Um dos grupos encosta-se à parede.
Todos fecham os olhos e  adotam uma postura.
O outro grupo desenha com giza silhueta dos companheiros.
E  desenham diferentes caretas .
As crianças que estavam de olhos fechados, movem-se em diferentes direções e abrem os olhos e tem de reconhecer a sua silhueta.


O maestro hipnotizador
Uma  das crianças é selecionada para ser o maestro que movimenta -se no ritmo da música.
As restantes crianças exploramos movimentos que desejarem; imitam que tocam  instrumentos ou dançam.
Estimular a que adapte mas sua expressão facial, movimentos à  peça musical.
Feliz: As quatro estações de A.Vivaldi: Primavera
Medo: A sagração da PrimaveraI. Stavinsky: Osacrifício
Triste: Valsatriste: J.Sibelius
Zangado: Moldau.Smetana: A trovoada
Variante:
Introduza discussão a cerca como a música pode expressar sentimentos e apresentar:
canções de embalar acalmam; flautas podem soar tristes,marchas  bravura.
Depois distribuir os materiais de desenho, convida- se as crianças a ouvir a música, pegar  nos lápis e a pintar seus sentimentos.
Pergunte como ses entiram?
Oque desenharam?
Que sentimento a  música despertou?


Cantinho das emoções
Desenhar as diferentes caras de emoções .
Expor os desenhos num lugar bem visível.
Quandoacriançamanifesteumadasemoções.
Peça que assinale o que sente.
Variante:
Mostrar alternativas para que decidao que sentem.“Está triste ou zangado?”
Mostra-me a sua careta .
Entregamosacadacriançaquatrocartolinascortadasemoval. Pedimos que desenhem em
cada cartolina as diferentes caretas dos sentimentos.
Apresentamos diferentes casos em que possam sentir alegria,tristes,zangados,medo(se  vamos a praia; ou se não temos ninguém com quem brincar; temos que apagar a tv)e  pedimos que ponham a careta que representa o sentimento que sentimos nas diferentes situações.
Perguntamos a algumas crianças porque se sentem assim(sobretudo se a careta  não corresponde)e o que podemos fazer quando nos sentimos assim.


Mimar
Escolhe-se uma criança e pede-se que represente através de mímica sentimentos.
As restantes crianças devem adivinhar que sentimento se trata. 
É interessante que todas crianças participem para que compreendam que existem diferentes formas de expressar de  expressar os mesmos sentimentos.

As caras do chefe Índio Papatu
Antes de começar ojogo maquilamo- nos para nostransformar no índio Papatu.
Explicamos às crianças que Papatu é um chefe índio que vive nas montanha, juntamente com os ursos e os lobos ,que a sua tribo é muito divertida e que os índios fazem tudo o que o grande chefe manda.
Todos se disfarçam de índios com o material previsto para esse fim.
Fazem uma fila e  convertem-se em índios Papatu a imitar o grande chefe.
Assim, quando Papatu se zanga, todos ficam zangados.
Quando Papatu chora, os índios também choram.
QuandoPapatu tem medo todos tremem.
Se Papatu tem calor,  todos transpiram.
Quando Papatu está cansado, todos dormem.
Quando Papatu está contente,todos gritam de alegria.
E assim sucessivamente.


A cara
Desenhamos a cara de um menino e de um amenina sobre um cartão duro e pintamosos  olhos, o nariz, as sobrancelhas, as pestanas, o cabelo, as orelhas. Só deixamos a boca por pintar.
No seu lugar coloca-se uma pequena corda.
A corda deve ser folgada para facilitar a  sua mobilidade ao desenhar as diferentes expressões.
Cada criança move a“cordaboca”da cara,representar aexpressão de um menino  que ri,chora,grita,está assustado ou aborrecido.


O espelho
Com marcadores pintamos duas caras nas mãos e inventamos, com elas, uma história  divertida.
 No fim perguntamos se alguma das crianças quer também contar uma história com as suas próprias mãos.


Rebentar bolinhas de sabão
Cada criança tem na mão palitos ou lápis e deve tentar rebentar com cuidado,as bolinhas de  sabão que circulam no ar.
Se alguma criança quiser, pode fazer as bolinhas de sabão,sob a orientação do educador.
Bolinhas de meninosf elizes,z angados, tristes, medo .

Mais atividades:
Pergunte às crianças o nome de pessoas que amam (pais,primos,tios,avós,vizinhos).
Fazer a lista com todos os nomes e fazer um mural com lindos enfeites.
Porque precisamos de saber quanto gostam de nós?
Como nos sentimos quando  alguém nos ama?
Fazer um presente especial, com diferentes matérias, para alguém especial da lista.
Peça que falem sobre essa pessoa e sobre o presente que estão elaborando.
Perguntar que podemos fazer para mostrar que amamos as pessoas (abraços,fazer um desenho especial).
Ensinar à criança em linguagem gestual a dizer” amo você”.
O que faz com que as  pessoas sintam especiais e amadas?
Como se sentem as pessoas quando se sentem  especiais?
Que fazem os pais para te sentir amados e especiais antes de deitar?
Fazer diferentes cartões com “ eu amo você porque.”
Para as diferentes pessoas que amam.
O que os adultos podem fazer para as crianças sentirem-se amadas.
Fonte:

image

image



Link para essa postagem


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário e retornarei assim que for possível.
Obrigada pela visita e volte mais vezes!
Linguagem não se responsabilliza por ANÔNIMOS que aqui deixam suas mensagens com links duvidosos. Verifiquem a procedência do comentário!
Nosso idioma oficial é a LINGUA PORTUGUESA, atenção aos truques de virus.

Blog Widget by LinkWithin

Mais sugestões...

2leep.com
 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios