BlogBlogs.Com.Br

CATIVA-ME

Glitter Photos

ESCREVAM-ME!

PROFESSORAS VISITANTES
FICO HONRADA COM O SUCESSO DO LINGUAGEM.
E GRAÇAS A VOCÊS!
SERIA MUITO BOM RECEBER PALAVRINHAS...
QUEM SABE SUGESTÕES,DEPOIMENTOS,ETC.
EMAIL ABAIXO:

Colaboração e Direitos

Colaboração e Direitos Autorais
Olá amiga(o) ,
Fui professora dos projetos "Estímulo À Leitura",
"Tempo Integral" e a favor da leitura lúdica,
afinal, quer momento mais marcante que a fantasia da vida?
Portanto, será um prazer receber sua visita em mais um blog destinado a educação.
Nele pretendo postar comentários e apreciações de materiais didáticos de Língua Portuguesa, além de outros assuntos pertinentes, experiências em sala de aula, enfocando a interdisciplinaridade e tudo que for de bom para nossos alunos.
Se você leu, experimentou, constatou a praticidade de algum material e deseja compartilhar comigo,
esteja à vontade para entrar em contato.
Terei satisfação em divulgar juntamente com seu blog, ou se você não tiver um, este espaço estará disponível dentro de seu contexto.
Naturalmente, assim estaremos contribuindo com as(os) colegas que vêm em busca de sugestões práticas.
Estarei atenta quanto aos direitos autorais e se por ventura falhar em algo, por favor me avise para que eu repare os devidos créditos.
Caso queira levar alguma publicação para seu blog, não se
esqueça de citar o "Linguagem" como fonte.
Você, blogueira sabe tanto quanto eu, que é uma satisfação ver o "nosso cantinho" sendo útil e nada mais marcante que
receber um elogio...
Venha conferir,
seja bem-vinda(o)
e que Deus nos abençoe.
Krika.
30/06/2009

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

LINGUAGEM FOI SELECIONADO EM JANEIRO/2011.
OBRIGADA!

Daisypath Anniversary tickers

Daisypath Anniversary tickers

Linguagem social...

Glitter Photos

Comemoração

Glitter Photos
JUNHO 2017
8 ANOS DE LITERATURA INFANTIL

segunda-feira, abril 18, 2011

Soluções pedagógicas - 18/04/11

Como levar em conta os interesses dos alunos
em uma turma grande?
Para sondar conhecimentos e interesses, crie uma situação-problema sobre o tema que vai ser estudado.
Analise as produções para conhecer a diversidade de saberes presentes em sala.
Os elementos dessa investigação o ajudarão a elaborar atividades e desafios relacionados a novos conteúdos.
Solicitar atividades não ensinadas
Quando um aluno precisa fazer algo que ainda não aprendeu (um cartaz, uma pesquisa ou qualquer outro tipo de atividade), ele faz isso da forma como sabe.
O que acaba ocorrendo?
Observo que, quase sempre, os resultados ficam aquém do que nós, educadores, esperamos, trazendo frustração para todos.
Para evitar isso, o caminho é dar tratamento de conteúdos a essas tarefas e ensiná-las antes de solicitá-las, com planejamento de etapas e avaliação.
No caso de um cartaz, por exemplo, a classe precisa observar bons modelos para perceber a finalidade de cada um e como são organizados.
Eles precisam ser bem apresentados e ilustrados;
ter mensagem clara e breve e texto adequado ao público-alvo;
ser escrito em letras grandes para permitir a leitura a certa distância.
No caso de uma pesquisa, deve-se orientar os estudantes a formular uma pergunta e indicar fontes confiáveis.
Também é preciso ensiná-los a interpretar os dados coletados, orientar a produção escrita e socializar os resultados das descobertas.
Fonte: Heloisa Ramos

Como gerenciar a correção das tarefas de casa?
A tarefa de casa pode ser uma aliada no acompanhamento dos alunos.
Mas eu aprendi que esse recurso exige atenção e planejamento.
Não convém que o tipo de correção seja sempre o mesmo.
É preciso variar, conforme seu objetivo:
- individual para conhecer o que o estudante consegue fazer sozinho e poder orientá-lo em suas dificuldades;
- coletiva, indicada às turmas mais adiantadas (nessa correção, cada um compara sua resposta com a dos colegas e avalia se a sua está certa);
- em duplas, com base em um roteiro, os alunos avaliam seus próprios trabalhos e indicam o que precisa ser melhorado.
- correção por amostragem é um bom recurso para classes numerosas - você pode selecionar uma atividade específica e corrigir a lição de alguns estudantes a cada dia, até chegar à totalidade da classe.
- correção feita por monitores também é indicada para os anos mais avançados. Nesse caso, os alunos incumbidos da tarefa devem receber orientação de como fazer a correção.
Fonte: Heloisa Ramos
O que fazer quando os alunos deixam o
celular ligado durante a aula?
Prefiro lidar com a situação com bom humor, colocando a questão em particular ao aluno se isso se repetir.
 Queremos que os jovens sigam as regras por achá-las necessárias e não por conformismo ou medo de punições, não é mesmo?
Assim, é válido que os aparelhos toquem durante algumas aulas incomodando os demais e, depois, nos espaços destinados à discussão dos conflitos (como as assembleias), o problema seja analisado por vários ângulos e se busquem soluções não punitivas.
Esses acordos servem para melhorar a convivência.
Porém é preciso incentivar o comprometimento de todos com as decisões tomadas.
É sempre bom lembrar que uma regra não precisa ser rígida.
Há exceções, como quando um parente está doente.
Nesses casos, o ideal é discutir o uso consciente do aparelho, como pôr no modo vibratório e sair para atender.
Esse processo contribui para um ambiente de respeito mútuo, no qual professores e alunos podem cooperar e se autorregular.
Fonte: Telma Vinha


Link para essa postagem


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário e retornarei assim que for possível.
Obrigada pela visita e volte mais vezes!
Linguagem não se responsabilliza por ANÔNIMOS que aqui deixam suas mensagens com links duvidosos. Verifiquem a procedência do comentário!
Nosso idioma oficial é a LINGUA PORTUGUESA, atenção aos truques de virus.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mais sugestões...

2leep.com
 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios